Gente Buscando Gente

Maceió - AL

Família de criança desaparecida fará vigília para cobrar rigor na apuração


Felipe Vicente da Silva, de apenas 02 anos desapareceu em 16 de junho.

Uma vigília para pedir mais rigor na apuração do sumiço do pequeno Felipe Vicente da Silva, de apenas 02 anos, reunirá familiares e amigos da criança, a partir das 17h desta quarta-feira, em frente ao Palácio República dos Palmares, no Centro de Maceió. O objetivo do grupo é cobrar do governo que o caso seja investigado de forma mais rápida.

A família de Felipe Vicente, desaparecido desde o dia 16 de junho, afirma estar desesperada já que não há notícias do garoto. Eles prometem levar velas para serem acesas e fotografias da criança e esperam uma participação da população na vigília.

Ontem ao CadaMinuto, Helena Estela, mãe de Felipe, ressaltou que o objetivo da vigília é informar a população sobre o desaparecimento do filho. “Muita gente ainda não sabe que meu filho desapareceu, por isso estamos organizando esta caminhada. É a forma que encontramos para informar as pessoas sobre o desaparecimento do meu filho e pedir a população que avisem a polícia caso alguém o veja”, disse.

Pista da polícia

Na última segunda-feira (24) a delegada Bárbara Arraes, responsável pela Delegacia de Crimes Contra a Criança e o Adolescente, esteve com a família e apresentou uma nova pista do paradeiro do menino. Uma denúncia dava conta de que o menino tinha sido visto na companhia de outras pessoas em uma casa lotérica no próprio conjunto onde ele desapareceu. A delegada solicitou as imagens do circuito interno de segurança do local e levou para que a mãe de Felipe fizesse o reconhecimento. Mas a esperança acabou quando a mãe dele disse que a criança que aparecia nas imagens não era seu filho.

“A cada nova informação que surge vem à esperança e quando ela não se confirma a dor é muito grande. Está sendo um momento complicado para toda a família. Hoje a mãe do Felipe chorou muito quando a delegada esteve aqui. Estávamos acreditando que a informação de que o menino que apareceu na lotérica era ele, quando assistimos e vimos que não era voltamos a ficar muito abalados”, lamentou a tia do menino Rafaela de Jesus Mota.

Ainda segundo Rafaela, o apoio da polícia está sendo fundamental. Ela diz que constantemente a delegada Bárbara Arraes entra em contato para repassar ou colher informações. Mas o desespero vai aumentando a cada dia  que passa. Isso fez com que os familiares decidissem buscar o apoio da Polícia Federal (PF) e iniciarem o planejamento de uma manifestação para os próximos dias.

Ligações para ajudar

Helena Estela pede que as pessoas que possam ter visto a criança, avisem aos policiais. “Ainda que não seja o meu filho, é importante que a polícia seja comunicada para não perdermos as pistas”, colocou. A mãe disse ainda que algumas pessoas afirmaram que a criança está morta. “Meu filho está vivo, eu sei disso”, finalizou.

Felipe Vicente da Silva, 2, desapareceu domingo (16) quando estava na frente da casa da avó, no conjunto Cleto Marques Luz, no bairro do Tabuleiro dos Martins. Quem tiver informações sobre Felipe Vicente manter contato pelos telefones 3359-9433 / 3315-9941 / 8810-5154 / 8878-1037.

* Do Jornal Correio do Povo de Alagoas.