Gente Buscando Gente

Entenda como foi encontrada a moto de ADRIANA TERUMI ONAKA DE BELLI


A mototaxista desapareceu em Ipatinga (MG) em fevereiro de 2005

No início da noite de sexta-feira, 26 de fevereiro, dois jovens passavam pelo Morro das Lavadeiras, entre os bairros Bom Jardim e Horto, e um deles passou mal e resolveu entrar para o meio do mato, ele notou um relevo no terreno como se algo estivesse enterrado e notou que se tratava do painel de uma moto.


Como estava escurecendo, ele foi embora, porém contou a descoberta para o irmão, um policial militar de Belo Horizonte que estava na região. Os dois resolveram voltar ao local na manhã de sábado para verificar o achado com mais cuidado. Os irmãos acionaram uma equipe da Polícia Militar, pois ao removerem a terra, descobriram que se tratava de uma moto Honda Titan azul ano 2001, placa GZZ-8317.

No sistema de dados do Detran, constava que era uma motocicleta dada como roubada desde o dia 26 de fevereiro de 2005. Para a surpresa dos policiais, era a moto da descendente de japoneses ADRIANA TERUMI ONAKA DE BELLI, que desapareceu há exatamente 11 anos, enquanto trabalhava como mototaxista na cidade e foi acionada para uma corrida ao bairro Bom Jardim.

Junto ao veículo, os policiais encontraram pequenos ossos, que foram recolhidos e encaminhados para análise no Instituto Médico-Legal (IML) de Ipatinga para saber se são humanos ou de animais. Se for humano, as amostras serão enviadas para o Instituto de Criminalística em Belo Horizonte para que seja feito o teste de DNA com os familiares dela.

*Com informações do Jornal Diário do Aço.

*Foto da moto: Gizelle Ferreira / Programa Plantão Policial / Rádio Vanguarda AM.